POVO DE ARUANDA

ANUNCIE AQUI! povodearuanda@povodearuanda.com.br

Homenagem aos Boiadeiros

Posted by Administrador em outubro 6, 2009


BD (2)

Um dia de sol no sertão

Boiadeiro se retira

E sai em vão

Sem lenço, sem documento

Só, absorto em pensamentos

Amor e caridade

Fé e dignidade

Boiadeiro vaga sozinho

Procura no chão

As pedras do caminho

E as transforma em pão

Boiadeiro em seu cavalo

Vai sozinho pela estrada

Pensando, pensando

Sem dizer uma palavra

Ele apenas procura

Aqueles indigentes

Que exalaram soberbia

E caíram em agonia

Leva a eles o alimento

Aos fracos e doentes

Palavras de sabedoria

Quem já foi boiadeiro um dia

Sabe que tudo começa

Antes do raiar do dia


Quem não conhece boiadeiro

Deveria respeitar

Pois atrás da valentia

Tem muito amor para dar

E apesar de ser rudimentar

Tem sua cultura, tem seu lugar

Com a lei de Ogum e a justiça de Xangô

Nos braços de Oxalá!

Boiadeiro vai embora

A estrada continua

Ainda tem muitos bois a laçar …

Boiadeiro Dois Dois de Ouro – Joyce Gorgoll (Pandora)

About these ads

Os comentários estão fechados.

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 38.560 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: